DIA da POESIA

Publicado em


O Dia Mundial da Poesia celebra-se todos os anos a 21 de março.
A data foi criada na 30ª Conferência Geral da UNESCO a 16 de novembro de 1999.
Neste dia evoca-se o poder da linguagem, a livre criação de ideias através da força das palavras e da mestria que lhe é dada.
A literatura portuguesa apresenta muitos poetas cuja obra literária é mundialmente conhecida. Luís de Camões, Fernando Pessoa, António Nobre, Florbela Espanca, José Régio, Natália Correia, Eugénio de Andrade, Cesário Verde, Miguel Torga, Sophia de Mello Breyner Andersen, são alguns dos poetas portugueses mais conhecidos

A Biblioteca Escolar e o Departamento de Línguas aliaram-se ao dia e distribuíram poesia a alunos, professores e funcionários.

 

 

 

Contar as metas

Publicado em


Os alunos do 1º CEB da EB de Recardães tiveram a visita do contador de histórias Sandro William Junqueira que dinamizou a atividade “Contar as metas”, contando as histórias “Corre, corre, cabacinha”, de Alice Vieira, dirigida aos alunos dos 1º e 2º anos e “O beijo da palavrinha”, de Mia Couto, dirigida aos alunos dos 3º e 4º anos.

A atividade iniciou com uma música suave, cantada e acompanhada à guitarra pelo contador de histórias, que transportou os alunos para o mundo mágico das histórias infantis, despertando o interesse para estas obras indicadas para a educação literária.

Concurso Intermunicipal de Leitura (CIL) | 2ª fase

Publicado em Atualizado em


No dia 18 de março, realizou-se, na Escola Secundária Marques de Castilho, a final da 2ª fase do Concurso Intermunicipal de Leitura (CIL), promovido pela Rede de Bibliotecas da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro, com o objetivo de desenvolver o prazer de ler e estimular o desenvolvimento de competências, no âmbito da leitura, nos jovens, do 1º CEB ao Ensino Secundário.

Este concurso, estando já na 4ª temporada, é composto de 3 fases, completando-se aqui a 2ª das mesmas.

Das 9 dignas participações do nosso Agrupamento, o júri determinou como vencedores os seguintes alunos:

  • 1º ciclo

– 1º lugar – José Luís Morais – EB da Borralha

  • 2º ciclo

– 1º lugar – Rodrigo Marques – 5º J

 

Estes alunos irão representar o concelho de Águeda, nas categorias 1º e 2º Ciclos, no dia 27 de maio, em Albergaria-a-Velha.

A Escola felicita todos os participantes pelo seu empenho.

Livros que fizeram história

Publicado em


Ao longo desta semana, no âmbito da comemoração da Semana da Leitura, esteve patente, na Biblioteca Escolar, a exposição itinerante “Livros que fizeram história“, disponibilizada pela Santillana.

Foram expostos 12 painéis onde são divulgados livros reconhecidos mundialmente pela sua importância e influência na história.

http://formacao.santillana.pt/index.php?q=C/NEWSSHOW/4580 [consult. em 17.03.2017]

Literacia da Informação | PowerPoint

Publicado em


Após várias sessões de formação/informação desenvolvendo as competências dos alunos na utilização do PowerPoint, os trabalhos produzidos a pares foram apresentados à turma.

Seguindo temáticas trabalhadas, no momento, na área de Estudo do Meio, numa articulação com o currículo, os alunos do 4º ano da EB de Recardães aprenderam a criar apresentações, com a orientação da equipa da BE.

Os trabalhos apresentados foram analisados no grupo/turma.

A IGAC vai à escola

Publicado em Atualizado em


        No dia seis de Março, no âmbito do projeto “IGAC vai à Escola“, a Inspeção-Geral das Atividades Culturais (IGAC)  promoveu duas sessões pedagógicas dirigidas  a cerca de 150 alunos, dos  3º e 4º anos, do 1º ciclo da Escola Básica Fernando Caldeira.  Os dinamizadores sensibilizaram para a importância de respeitar a propriedade intelectual dos diferentes criadores/autores fomentando assim uma consciência cívica.

        A apresentação abordou os conceitos de autor e de obra através do recurso a exemplos facilmente reconhecidos por todos. Numa segunda fase, os alunos assumiram o papel de “autores”, realizando desenhos, poemas ou textos. Por fim, assistiram a uma animação teatral que serviu para a consciencialização dos efeitos negativos da violação dos direitos de autor.

        Os alunos demonstraram interesse, envolvendo-se ativamente na apresentação.

        A título exemplificativo, fica o registo de algumas opiniões dos alunos:

“Aprendemos que se formos autores de uma obra, temos direitos sobre ela e os outros têm que nos pedir autorização.”

“Achei muito divertido e aprendi coisas novas e como respeitar as coisas dos outros.”

“Achei muito interessante porque não sabia quem é que protegia os direitos dos autores.”

A Biblioteca por detrás da máscara

Publicado em


Numa vertente informativa e lúdica, a biblioteca associou-se às comemorações do Carnaval.