Xafir e a Feiticeira do Pântano

Publicado em Atualizado em


Num imenso atilho de ternura, no dia 5 de janeiro, a Biblioteca Escolar apresenta a obra das escritoras Alice Caetano e Alexandra Abrantes.

Receber um autor é sempre uma enorme satisfação, desta vez acrescida do facto de serem escritoras da nossa terra e colegas de profissão.

É assim o final do livro Xafir e a Feiticeira do Pântano:

“(…) Agora, Xafir já não tinha apenas o unicórnio como companheiro, agora, tinha muitos amigos e Anna seria de novo a florista da aldeia para cultivar lírios e goivos no chão do pântano.

Um imenso atilho de ternura tinha principiado a ligar o bosque Tarálida à aldeia e ao pântano, unificando os três numa invulgar comunidade.”

Porquê um atilho de ternura?

Um bom mote para ler a obra…

 marca do autor

 

Anúncios

ESCREVE AQUI

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s